Eu e meu amigo de férias em Ibiza

Um conto erótico de Bernardo
Categoria: Homossexual
Data: 19/01/2020 14:49:03

Olá pessoal, me chamo Bernardo, tenho 19 anos, estudo Psicologia na USP. Esse conto é a segunda parte do conto chamado Eu e meu amigo na Cam4... caso tenha caído aqui de paraquedas, para um melhor entendimento, aconselho a ler a primeira parte, depois volta aqui, ta bom!

3 de Janeiro de 2020, era sexta feira. Finalmente chegou o dia que nos custou tanto. Passei a noite anterior em claro, me arrumei com a melhor roupa que eu tinha. Minha felicidade estampada na cara, tomei café da manhã com meus pais, que fizeram questão de ir pra construtora um pouco mais tarde, só para passar mais um tempo comigo antes da viagem da minha vida.

-Então Bruno, está tudo certo com a viagem dos garotos, tudo resolvido? passagens, hospedagem? cartão internacional? - minha mãe preocupada enchendo meu pai de perguntas

-Sim Letícia! revisei tudo com você ontem amor.. Deixa os garotos... eles já são dois adulto.

-E você garoto, juízo viu... beber com moderação...

-Pode deixar, mãe. Vai ser a melhor viagem da minha vida. fica tranquila que você me ensinou direitinho como cuidar de mim mesmo.

-Tchau querido, manda um beijo pro Vitor... boa viagem

Dei um beijo na minha mãe e entrei no carro do meu pai. Passamos na casa do Vitor, que mora no mesmo condomínio que eu e partimos para o aeroporto internacional de São Paulo, nosso voo estava previsto para sair às 11:00. Chegamos no aeroporto por volta das 10:00 não víamos a hora de embarcar naquele avião e sumir do Brasil.

Era nossa primeira viagem, tanto minha quanto do Vitor, sem nossos pais. Pela primeira vez com a liberdade 100%. Sem ninguém pra nos cobrar horário de chegada ou controlar nossa bebida e tals.

Até que em fim chegou a hora de embarque e antes de partir meu pai me deu um presente. Desembrulhei com euforia e quando abri o pacote mal acreditei...

-Puta que pariu Pai... CARALHOOOO... Mentir.... Pai... como assim... deve ter custado o olho da cara... não precisava meu coroa...

Mal conseguia falar depois que vi o Patek Philippe, um relógio suíço caríssimo, mas de muito bom gosto, era meu sonho de consumo nível impossível, pois era muito caro. Não achei que meu pai me daria, serio! fiquei muito feliz.

- Bom... foi bem carinho mesmo, vi você namorando a um tempo por esse relógio me reuni com sua mãe e resolvemos te presentear .... é um presente meu e dela viu... ela fez questão que eu dissesse. Você merece filho... sempre um bom filho, boas notas.. só nos traz orgulho diferente do filho do Alceu, o Thiago. Onde já se viu... se expor daquele jeito na internet pra todo mundo ver.

Dá pra imaginar a minha cara e a do Vitor, né.. não sabíamos onde por.

-Pô pai... muito obrigado mesmo. Da um beijo na minha mãe pra agradecer o presente.. diga que ela é a melhor mãe do mundo! chau pai te amo.

-Também te amo filho. Valeu Vitão. Fodam muito nessa viagem, mas cuidado pra não engravidar ninguém... usem camisinha!

Rimos muito abraçamos meu pai e embarcamos. A viagem foi bem tranquila apesar de parecer que não ia acabar nunca e como não tinha conseguido dormir a noite por causa da ansiedade e o Vitor não foi diferente de mim fomos a viagem toda dormindo. Desembarcamos por volta das 1:30 da madrugada no horário de Brasilia, 5:30 lá na Espanha. Fomos recebidos por um guia que nos colocou em um carro do qual foi direto para nosso hotel. Para economizar reservamos apenas uma suíte para nós dois.

O quarto era bem amplo duas camas bem espaçosas, uma vista maravilhosa pro mar e banheira hidromassagem. Como era manhã cedo, nos acomodamos e pedimos café da manhã comemos e fomos tirar os atrasos na piscina. A visão era dos Deuses... só gatinha desfilando de biquíni e não demorou muito para fazermos amizade. A noite teve a primeira festa, já era sábado. Uma balada a céu aberto, Djs tocavam e a bebida rolava solta. Bebemos muito e fizemos uma aposta de quem conseguiria levar a primeira mina pra casa.. final que não conseguimos nenhuma. Voltamos para o hotel cambaleando e se apoiando um no outro tomamos banho e deitamos cada um na sua cama.

Passamos 1 hora mexendo no celular postando fotos nas redes sociais e etc.. Olhei para o Vitor e disse perguntei...

-E aí cara, o que tas achando da viagem?

-Pô mano, da hora... melhor do que eu imagina. A festa foi do caralho - respondeu o Vitor, largando o celular e olhando pra mim.

-Pena que a gente não descolou nenhuma mina pra comer hoje em... mas ainda temos tempo!

- É.. temos sim!

Nesse momento o silêncio tomou conta do lugar e ficamos nos encarando, ambos com a cara de pensativo. Nessa hora não sei o que deu em mim... Me levantei, fui até a cama do Vitor e o beijei, ele prontamente retribuiu o beijo e numa loucura começamos a nos despir... tirei a blusa do Vitor ele tirou a minha depois tiramos toda a roupa isso sem interromper o beijo me deitei por cima dele e ficamos naquele beijo quente por uns 10 minutos. Comecei a beijar sua nuca e morder sua orelha enquanto sinto a mão do Vitor explorar minhas costas, ele me provocava arrepios e me provocando com seus dedos que iam até minha nuca e depois desciam até o comecinho do meu rego. Começo a descer com a língua pelo seu corpo, chego em seu peito e fico lambendo e mordiscando seus mamilos. Ele da um leve tapa na minha bunda branquinha o que me atiça mais. Me sento sobre seu colo pego sua duas mãos e as coloco na cabeceira da cama, como se o tivesse algemando, e começo a lamber seus bíceps fortes. O Vitor vai a loucura comigo rebolando em seu colo por mais que eu só estivesse por cima do seu pau. Lambi suas axilas e voltei a beija-lo.

Fui, novamente descendo com a linga pelo seu corpo e chegando na sua barriga trincada, passo a lamber gominho por gominho. Desço mais um pouco e chego no pé da sua barriga, onde tinha uns ralos pelos pretos e fico lambendo alí por um bom tempo. Perdido de tesão o meu amigo começa a empurrar minha cabeça pra baixo, não resisti e fui dando beijos em torno de toda sua pica. Quando beijei a cabeça veio a famosa babinha em meu lábio, da qual lambi os lábios olhando no olho dele.

Sem perder mais tempo cai de boca naquela rola. De inicio eu só chupava a cabecinha fazendo ele revirar os olhos e logo depois comecei um verdadeiro sobe e desce colocando e tirando o máximo de pica na minha boca. Fiquei no boquete por uns 5 minutos depois parti pro saco dele, que era de tamanho médio e tinha um pouco de pelos também.... lambia um e outro, colocava um de cada vez na boca e coloquei até os dois juntos... eu tinha virado uma verdadeira puta.

Fui descendo com a língua e encontrei o ponto fraco do meu amigo... O Púbis, aquela região entre as bolas e o cú. eu chupava e ele não aguentava de prazer se contorcendo todo e eu não exitava continuava torturando ele e de vez em quando passava a língua no cuzinho virgem dele. Certo momento levantei suas duas pernas e dei várias linguadas ao redor do seu cú, ele gemia baixinho.

Voltei a mamar a rola do Vitor, dessa vez de forma mais lenta... eu brincava com aquele pau como se fosse um brinquedo, esfregava na minha cara, parava de vez em quando e fica apreciando o pau do meu amigo... logo voltava a chupar de novo.

No ápice do meu tesão aproveitando a minha própria baba no cacete do meu macho me posicionei em seu colo, o Vitor continuava deitado, e encaixei o pau no meio do meu cuzinho até então virgem. O Vitor numa crise de realidade perguntou:

-Quero muito comer esse seu cuzinho, mas gente não tá indo longe de mais cara?

Tomado pelo prazer respondi: -Que se foda!- e dei a primeira forçada contra o pau dele. A dor era imensa... parecia que tava enfiando uma faca no meu cu... mas o tesão era tão grande que eu não ligava mais pra porra nenhuma... Relaxei um pouco e voltei a descer, dessa vez a cabeça entrou um pouco parei... fechei os olhos e forcei novamente dessa vez não aguentei a dor e quis desistir, mas o Vitor me puxou pelo braço me fazendo deitar sobre ele. Ele começou a me beijar e posso dizer que aquele foi o melhor beijo da minha vida. Lento, cheio de mordiscadas e muito, mas muito molhado era nosso beijo enquanto isso o Vitor posicionou o cacete na entrada do meu cú e começou a me penetrar. Ahhh que delicia eu nunca achei que pudesse sentir tesão no rabo, nunca nem ousei colocar o dedo quem dirá um pau.. mas dessa vez eu só sentia prazer, sentia dor também, mas não se comparava a vontade que eu tava de sentir a rola daquele macho me comer por dentro. Nunca tinha sentido tamanho prazer.

No começo ele foi bem carinhoso e bem lento, para eu me acostuma, mas com o passar do tempo ele começou a socar de forma rápida que dava pra ouvir os estalos da minha bunda em sua virilha.

De repente ele para me faz sair de cima dele e me coloca de quatro. Ele encaixa a rola no meu buraco e enfia de uma só vez, já metendo a todo gaz... ele desce até meu ouvido e diz:

-Eu vou gozar, se masturba pra gente gozar junto!

Eu começo uma punheta e logo sinto ele acelerar as estocadas... sinto a rola dele inchar mais dentro do meu cú e logo um líquido quente me invade me fazendo gozar também... Nossa! eu gozei muito naquele lençol.

Exaustos caímos na cama, ele por cima de mim, continuava com a pica dentro da minha bunda. Não falávamos nada , só respirávamos ofegante como se tivéssemos acabado de participar de um corrida, mas o pau dele não amoleceu, muito menos o meu. Então, naquela mesma posição em que estávamos, ele começou a socar novamente... nisso ele mordia minha orelha e chupava meu pescoço. ele para, me vira de frente e mete em mim de frango assado, com as minha pernas em seu pescoço ele passa a mão na minha barriga que tava toda melecada de porra. Usou minha gala como lubrificante e começou a me punhetar enquanto me comia freneticamente. passamos um bom tempo nessa posição até que ele começou a gozar novamente no meu rabo. Continuou metendo mais um pouco e foi minha vez de gozar que dessa vez lambuzou nós dois.

Dormimos abraçados e pelados. Pela manhã, eu acordei primeiro, nosso banheiro tinha um espelho e enquanto eu tomava banho me apoiei no espelho e fiquei pensando no que tinha acontecido. Será que eu tinha virado gay? Eu nunca tinha sentido atração por homem nenhum, foi só eu experimentar e gamar. eu tava muito confuso. Olho no espelho e vejo o Vitor chegar por traz de mim, me agarra e beija meu rosto.

-Bom dia amor, o que tem pra fazer hoje nessa ilha maravilhosa? -pergunta o Vitor

-Xiii.. já começou a me chamar de amor.. assim eu me apaixono.

-Eu não sei o que aconteceu com a gente Bernardo, eu nunca senti nada por homem nenhum, mas com você eu sinto o que nunca senti por ninguém cara, desde aquele ultimo dia da live que fizemos eu vinha me sentindo muito estranho, sem entender nada. Mas agora eu sei que com toda certeza eu estou apaixonado por você. Eu te amo!

-Eu também te amo- respondi e então propus: -Aceita namorar seu melhor amigo?

O Vitor começo a rir e disse: -rsrsrss, cara que loucura, é claro que aceito sim!

Nos beijamos.

Naquele dia a nossa viagem deixou de ser uma maratona de farras entre amigos e passou a ser uma lua de mel de namorados extremamente apaixonados.

Continua...


Este conto recebeu 48 estrelas.
Incentive Vicio em héteros a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
06/05/2020 00:12:38
Perfeito
05/05/2020 16:17:39
Que delícia, estou cheio de tesão.
22/04/2020 04:43:07
Fantástico! Cadê a continuação?!
18/04/2020 06:02:53
EXCELENTE.
20/01/2020 20:18:52
Continua logo está demais
20/01/2020 09:07:03
Muito bom
20/01/2020 07:00:28
1000
20/01/2020 03:09:53
Delicia tesão
19/01/2020 23:27:10
Faz tempo q não lia uma conto ta excitante e apaixonante ate ressucitei minha antiga conta pra poder fzr esse comentario, muito bom nota maxima
19/01/2020 23:20:21
QUE DELÍCIA. UMA LUA DE MEL SEM SE CASAR. INVERTERAM A ORDEM DAS COISAS. RSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS PERFEITO. CONTINUE RAPIDINHO.
19/01/2020 23:10:05
que tesão. viva o cam4.
19/01/2020 23:00:57
sejam verdadeiro com seu coração.
19/01/2020 22:52:36
vivam o amor
19/01/2020 22:52:13
aceitar o amor sem medo e sem preconceito é viver o amor na pleno
19/01/2020 17:56:05
Que conto gostoso, parabéns


xexeca mais gtz e peludinharelatos íncestos tio e sobrinha dormindo nuwww.xvideo rola fina que a camissinha fica fougadacontos eróticos infânciazoofiliaporno so com galinhas profundoContos de inseto com o irmao casula search xvideoenganei minha irmã para ela chupar meu pau até a mãe chegarfilme porno onde um perfume despertava desejorelatoeroticomorenacontos eroticos de mai traindo eafinha espiando escondidamae belisca querendo chupa buceta da filha205XVDEOmeu cuzinho amanheceu melado e doendo contos gayxvideos com . sexy porno ju safada adora provoncar mulher safadaxvideosdificil pra vc lukarapas bunda linda dando cu de brusucontos de sexo raspei minha bucetaquero ver metendo na mulher essas porcarias transandoxvideos nao despensou a novinha caseiromeu padastro me comeudando a bunda no pau dele ele meteu a vara nela pelada com bolsinha delacontos eiroticos leilapornum homem nalua de meu tranzado e uzando camizinha e a rola de2metrosgay fudendo xvideo fiadinhocontos erótico- filho meu principecontos novinha bunduda e sogro tarado e pauzudomulheres nojona de tanto tesaodoce nanda parte IV contos eroticostextos. contos menunas estrupadas dulpa penetracao gozadas boquinhavideo porno com muito beijo na boca de tirar o folego muita chupada na buceta fazendo gozar na lingua de tanto prazer puchao de cabelo sexo com pegada forte e brutaEla me contou rebolou gostoso no pau do seu amante,confesso.conto erótico minha mulher esfrega no pau do meu amigosó loirinha magrinha a pererec do Chacrinhacoroa chupando o c****** do Midinhoconto sou gay e meu irmao ñ usa cuecascontos porno kiko e dona florindagorda xorando no piruContos eróticos-caçador de pau comprido e grosso me rasgouxvidio roludo medingoirma no cio chupa tudo sem frescuraclimax contos eroticos lesbicas consoloMulher auto e gosano gostosonovinha linda engolindo pora do carteiro pausudonovinha virgem no vídeo caseiro transando com padrasto e botando a Nova Palmaquero ver novınha que sao empregada fudendoprofessora para niguei botar defeito tao gostoza pelada linda buceta greludaContos Gays Sobre Valentoes : Casa Dos Contoslais minha enteada da xoxota apertadinha contosfamilia sacana quadrinho queridinho da mamaemeu amigo comeu minha esposanovınha fudendo no motelcoroa emsaboando a rola durave o saco grandec corno nem desconfia contos de casadasconto gratis branquelo chupou a buceta da mulatacontos eroticoscuzinho sem pregascontos eróticos de dupla invasão"mulher que eu amo" casadoscontos.com.brarrmbei o cuda mamãe/videos pornodepositando esperma na buceta a forçaLevantei a noite e fraguei meu pai e mae no sexo gostei xnxxhomem leva uma mulher a loucura de tanto ecitalamultidão contos eroticoscontos eroticos flagrafiltrados xvideos cao fode minha irma a forcacontos paimete so no cuZinho da filha de quatro anos a menina gritou muito de dorNovinh so de passa a mao fica soltand orgasmoos melhores contos de encochadas em evangélicas nos transportes publicosContos gangbang com tios e primosPage coletanea de video coroas masturbando gozando escorrendo melzinho galaContos negao arrombou minha esposa na minha frenteMeus amigos me foderam bebada contosTravesti fica olhando sua amiga recebe crempe anal