Tarde gostosa: comecei sozinha e terminei muito bem acompanhada

Um conto erótico de Vanessinha Dias
Categoria: Heterossexual
Data: 04/03/2017 01:54:25
Última revisão: 04/03/2017 01:56:19
Nota 9.46

Me lembro de uma ocasião em que eu estava louca de tesão, com muita vontade de gozar, mas não tinha nada previsto. Eu era bem novinha, estava no colegial ainda, estudava de manhã e depois passaria a tarde sozinha em casa. A tarde inteira! Eu teria que dar um jeito de fazer muita sacanagem...

Minha ultima aula naquele dia foi de educação física e eu iria para casa. Ainda no vestiário, antes de deixar a escola, eu tirei a calcinha e fiquei somente com legging que usava nas aulas. Uma legging azul clara, bem justa e coloquei de forma que ficasse bem atochada. Tirei o sutiã também e, como a camiseta que eu usava não era escura e nem de tecido muito grosso, os bicos dos meus peitinhos ficaram bem salientes, e pela cava do lado dava pra ver parte deles.

Fui pelas ruas tentando todos os homens que encontrava pelo caminho. O tesão era tanto que só o fato de ver como me comiam com os olhos já me deixava doidinha. Eu andava rebolando, pra mexer bem a bunda pra eles, e já sentia a buceta bem molhadinha, reagindo a todos aqueles olhares.

Quando cheguei na portaria, o Eraldo, o porteiro, estava lá e chamei ele pra uma tarde quente comigo em casa. Expliquei que meus pais não chegariam antes das seis, mas ele não podia deixar a portaria:

— Bem que eu traçava essa buceta deliciosa e esse teu rabo apertadinho, Vanessa, só de pensar o pau já dá sinal de vida, mas vai chegar mudança pro 410 e eu preciso ficar aqui.

Que ódio que me deu do Eraldo! Entrei na cabine e sentei no colo dele, esfregando a bunda naquela pica que estava meio dura sim. Eraldo me passou a mão na buceta por cima da legging, forçando os dedos nela bem gostoso, e nessa hora dei uma rebolada no pau dele, mas mesmo assim ele não subiu pro apartamento. Subi sozinha e a falta de sorte era tanta que não encontrei ninguém no elevador. Antes de entrar em casa, bati na porta do apartamento do seu Valdir, mas ele não atendeu. Tinha ido em algum lugar.

Entrei em casa e fui direto pro meu quarto, arranquei minha camiseta já ligando a televisão e colocando um filme de sacanagem. Eu teria que me virar sozinha...

Eu morava em um condomínio, no prédio da frente, mas meu quarto era o dos fundos e dava janela para um dos outros prédios. A janela do meu quarto ficava bem em frente a uma janela de um quarto de um apartamento onde morava um casal. Eles deviam estar na faixa dos trinta e poucos anos.

O filme começou a passar e eu fiquei assistindo, esperando a coisa esquentar. A televisão ficava suspensa na parede e em ângulo que se alguém chegasse na janela do outro apartamento, poderia ver o que era exibido. Passados alguns minutos, deixei o filme rolando e fui na cozinha buscar buscar um refrigerante. Quando voltei ao quarto, percebi que o cara que morava lá estava de olho no filme. De algum jeito, ele participaria...

Arrastei uma poltrona grande a fofa que tinha no quarto para a frente da janela, mas agi como se eu não tivesse visto que ele estava lá. Forrei uma toalha bem felpuda no braço da poltrona e depois tirei a legging. Fiquei completamente nua pra ele. Me fazendo de idiota, fingindo não ver o cara, comecei a me exibir, passando a mão lentamente em todo o meu corpo. Eu disse todo! Eu me abaixava, empinando bem o rabo na direção da janela, e pegava nos pés lá embaixo; depois vinha subindo as mãos, e passava elas na buceta e na bunda bem devagarzinho. A sensação de ser observada era maravilhosa. Eu sabia que ele estava ali, via pelo canto dos olhos. Fui ficando muito excitada então montei no braço da poltrona e comecei a me esfregar nele. Eu esfregava a buceta no braço da poltrona e apertava meus peitos enquanto o vizinho me olhava. Aumentei a velocidade, como se estivesse cavalgando no braço da poltrona. No filme, duas mulheres e um cara se pegavam desenfreadamente: o cara metia na buceta de uma mulher enquanto a outra lambia o cuzinho dela. Uma putaria maravilhosa! Fiquei louca e olhei pra janela, ainda cavalgando e segurando os peitos. O cara estava com o pau na mão, e tinha um cachorro lambendo o pau dele enquanto ele me olhava.. Balancei a língua pra ele quase em câmera lenta. Depois, meti o dedo na minha xota e, com o dedinho todo melado, fiz sinal, chamando ele pra minha casa.

Não demorou muito a campainha tocou. Abri a porta nua, sem nada, e o cara entrou. Ele usava uma bermuda e camiseta folgada e tinha levado o cachorro. O cara de imediato me pegou por trás, roçando na minha bunda enquanto o cachorro, curioso, começava e subir nas minhas pernas querendo cheirar minha bucetinha. Era um cocker spanel caramelo e bem manso. Com o cara engatado, se esfregando em mim, fui pro quarto e o cachorro nos seguiu. Lá, ele virou a poltrona de frente pra televisão, tirou a bermuda e sentou com a pica em riste. Me ajoelhei na frente dele e comecei a mamar aquela pica gostosa enquanto empinava bem o rabinho. O cachorro começou a me lamber. Senti a língua do cachorro na bunda e arreganhei o cu pra ele, que meteu logo aquela língua quente e ávida no meu rabo. Aquele cachorro estava acostumado com sacanagem, era delicioso sentir ele lambendo meu cuzinho! Que sensação maravilhosa! Eu lambi o pau do cara, mordiquei as bolas e chupei com força a piroca dura dele. O cara gemia alto. O pau pulsava dentro da minha boca e a língua do cachorro no meu cu me deixava louca. Não demorou muito, ele gozou na minha boca, me enchendo de uma porra doce que engoli sem desperdiçar uma gota. A chupada no pau dele e as lambidas no cu me fizeram gozar também.

Eu queria mais! Sentei no colo dele e comecei a rebolar até o pau dele ficar duro de novo. No filme, as duas mulheres se chupavam enquanto o homem tocava punheta. Quando senti que o pau tava tinindo, pedi:

— Agora mete esse pau gostoso na minha buceta! Mete tudo que eu quero sentir ele entrando inteiro, até o talo.

Fui me arreganhando em cima do homem e o pau foi entrando. O cachorro veio de novo e colocou as patinhas dianteiras nas pernas do cara ficou de pé, primeiro cheirando mas depois ele meteu a língua no meu grelo, e ficou me lambendo feito um louco. Aquilo era uma delícia e quanto mais o cachorro lambia, mais eu facilitava pra ele lamber e mais mandava o cara meter.

— Huummm! Mete gostos! Arregaça a buceta da tua putinha! Me faz gozar nesse pau...

— Toma, puta! Toma pica nessa buceta gostosa sua safada. Vou te comer toda, piranha.

Eu ficava cheia de tesão (e ainda fico) quando me chamavam de puta ou de piranha! E ele metia com mais força, num rítmo alucinante. O cachorro não parava de lamber meu grelo. Gozei muito. Gozei gostoso no pau do homem e na língua do cachorro. Depois continuei sentada no pau dele, enquanto ele mamava meus peitos e o cachorro aparava todo o mel da minha xaninha.

Ele precisava ir antes que a mulher dele chegasse. Mas antes dele ir embora, ainda pedi mais. Eu queria que ele comesse minha bunda. Fiquei de quatro em cima da cama e dei o rabinho bem gostoso pra ele, enquanto eu punhetava a pica do cachorro. Gozei mais com aquele pau dentro do meu rabinho e o cachorro acabou esporrando meu lençol todo, de tanto que eu apertei o pau dele. A tarde que começou mal e sem que eu tivesse muita sorte, acabou sendo deliciosa e eu guardo excelentes recordações desse vizinho.

*********

Leiam também os meus outros contos.

Meu email:


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Vanessinha Dias a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
07/07/2019 08:39:57
Adorei 10
12/10/2017 17:18:36
Olá gostaraia de encontrar mulheres praticantes, curiosas e tenha desejo em zoofilia, quero conversa sobre o assunto sem nenhum tipo de preconceito, admiro e gosto de mulheres que praticam email e skype WhatsApp Rio de Janeiro
18/08/2017 18:05:34
gozei gostoso
19/04/2017 15:20:01
Tirando o cachorro, foi muito bom o conto! Pau tava endurecendo!
19/04/2017 15:18:02
May lima23 queria poder chupar essa bucetinha agora!
12/04/2017 08:15:47
SOMOS CASAL, sendo ela do ramo veterinário por profissão.Queremos somente mulheres casadas ou não que realmente gostem pelo menos de falar sobre zoo..em especial com equinos...Damos e exijimos sigilo total.Estamos iniciando um grupo só de mulheres no zap...Escrevam para: e no assunto coloca NOME E ZOO..Beijos e a nota é
02/04/2017 01:36:16
Quem for do rio de janeiro me chama
uem
30/03/2017 22:20:37
quero uma vizinha com vc bem safadinha
25/03/2017 10:36:38
Muito bem contado, me imagino na cena,que delícia de conto, fiquei animadinha e com a bichinha toda molhadinha.
13/03/2017 15:22:13
Vanessinha some não. Posta novos contos
13/03/2017 15:06:56
Safada adorei seu conto tenho 52anos sou casado e muito safado tenho um pastor alemão ainda virgem que tira o cabaço dele adoraria ver uma cena dessas
04/03/2017 20:34:49
Maravilha de conto, Vanessinha. Brinde-nos sempre que puder com mais relatos de sua movimentada vida sexual.
04/03/2017 12:24:38
Dos melhores que li ultimamente. Muita excitação.
04/03/2017 09:48:40
Que conto delicioso!!! Vou tomar um banho agora, pois gozei demais lendo seu relato... Beijos nessa buceta gostosa, sua Piranha!!!
04/03/2017 07:08:08
Que tesão hein, nota 10 sem dúvidas, vizinho de sorte, te convido a ler os meus, bjs na buceta...
04/03/2017 03:39:47
Garota fui obrigado bater mais uma pra você


contos sexo gay chulécontos eroticos transex minha irma e meu cunhado me transformo e bonecaconto gay virei a puta de varios machos na saunameu filho me faz de puta capitulo 8 e 9 relato eroticocontos gay. meu vizinho de 12a me comeu.encoxada carnavalXVídeos pai safado bem dotado acavalado e o seu filho novinho de 18 aninhoscão e pensso xvideoscasa dos contos gaycontos de scat lesbicoa com merda mijobebado deixei minha filha ser abusada na minha frente parte 9 vontod eroticoscontos eroticos desabafando uma história real deu para chefe do pau grande para ser promovidaMeu nome e quero ttansar com o Adilson meu padrastomulher madtubano escritorio pornodoidoxvidio minha esposa na zoofeliacinicota xxx videosfilme completo eurotico a preta cracudas loiras dos mamlos rosadoes sendo chupadosPorno texta Mijonas assustadasmeu padrasto me encochava contos eróticos de gaysconto homem levando a primeira vez a sua mulher pro protibulo pra se fodidacontos eroticos garotinha com velhoxvidio mocinhacontos eiroticos leilapornxvidio izaque comendo novinhavidiho porno vijen esdruboaquilo foi rasgando meu cuzinho contos eroticosmarcelo strause aguilar.conto eroticos de perigosirmao.ingravidando.irma.metendi.na.buseta.sem.camlsinhaContos eroticos de pisudos safados contos eiroticos leilapornliberei o cuminha cunhada bucetuda pediu pra mim goza dentro da buceta dela pra ter um nenentarado nuonibumasturbação anal masculinaContos eróticos titia chupa minha xaninhaanythingmeu genro me agarrou contoscontos eroticos de incesto eu minha irmaTitio gozando nas minhas tetinhas contos eróticosconto gay cadeiaxvideo.magrinha nao aguentou apica do negueo e gritou muito de dorContos eroticos menino de onze anos pauzudao com mulher XVídeos só voz tapeando e as netas bem novinhaFOTOS CONTOS DE SEXO DE UM JARDINEIRO PIROCUDO COM SENHORAS CASADASpornô doidão lavano carromulher do bucetao paresendo uma jegonafio terra contosmulher dançando gostosa e vovô comepornô xnxxQuadrinhos lactofiliacabeção cantando xeretandoeu quero ver só as novinha bem gostosinha de shortinho curtinho mostrando a polpa da bunda viajando no ônibus e os novinho passando a mãowaposa gostosa de mini saia arretando amigo do marido so de sainhaensinando minha enteada conduzir contos eroticosContos eroticos sapatao machaoContos eroticos de podolatria com fotos desejando chupar os pes bonitos de primas inocentetufos familia favela #8contos eróticos de feminizaçao forçadaAliviando os funcionarios contos eróticoshonem colica cachorto pra chupar suas bolas pornifilme pornô da Gretchen com a mulher metendo gostoso sentada no pau duro e o cara estourando a buceta delavideos de porno hem arpmbando.a buceya da mulhermulher cagando com prisao de ventre pornominha prima tem um vagina peludacontos eroticos minha esposa fodendo com meu sobrinho menor de idadeContos eroticos irma crenti çafada de perna aberta provocando o irmaoEu te amarrei novinha vagibaminha tia me esfreganos peitos e pega no pauesposa novinha do bundão grandão nua despeitoeu, minha namorada, mae e tio contoeroticogorda peidorreira contoscontos lesbicos e penitencia no conventoladrão comendo o delegado pornô se for do Adélia busca pornôcontos meu amigo foi em casa e minha mulher o chavecouconto sexo menina esconde-escondeliberei o cuestranho dotado enche coroa loira casada de porra corno asistecontos de sexo depilada na praiaconto erotico dividindo minha filha com a minha esposaporno de lingua dençendo a guelaflagrei a novinha fudendo no mato e chantagiei contosmagrinha chorando numa rola bem grande da cabeçona Vermelha filme Vovôvidio mulher casada com roupa fodendo enfrente o marido ate escorrer porrsContos eroticos dei diazepam a minha enteadacontos eroticos peguei uma meninacasa dos contos trans e lesbica